Como higienizar o seu iPhone?

O que nem todos lembram é que o celular também pode se tornar um instrumento de contaminação, pois tocamos nele diversas vezes por dia, inclusive colocando-o próximo ao rosto quando fazemos uma ligação telefónica. 

Também o apoiamos em balcões e mesas que podem estar infectadas. Por esta razão, o ideal é que façamos a limpeza constante também dele, para diminuir ao máximo as chances de contágio.

O que NÃO fazer

Primeiro de tudo, saiba que você não deve limpar qualquer dispositivo eletrônico da mesma forma que limpa as mãos ou uma louça. Não dá para simplesmente colocar o celular embaixo da torneira e passar sabão, mesmo que o fabricante diga que ele é resistente à água. Isso porque produtos de limpeza costumam ser abrasivos.

Também não use nenhum produto em forma de spray, aerosol ou ar comprimido, pois isso acaba empurrando tudo para dentro das fendas, que são mais difíceis de limpar depois.Não passe álcool gel no seu iPhone. O produto é bom para as suas mãos, mas não para os eletrônicos.

Vale lembrar que a garantia da Apple nunca cobriu danos causados por líquidos.

Não use papel higiênico para limpar a tela do aparelho. Ele deixa muitos fiapos, é abrasivo e atualmente é um produto bastante valorizado para ser desperdiçado. Lenços de papel também são abrasivos.

E nunca, NUNCA faça limpeza do aparelho com ele ligado ou conectado em algum fio.

Como limpar o iPhone

É tanta coisa que você NÃO PODE fazer que provavelmente fica a pergunta: mas afinal, como é possível limpar meu iPhone?

Existem dois elementos que são recomendados pela própria Apple para limpar o iPhone: panos macios que não soltem fiapos e álcool isopropílico com concentração de no mínimo 70%.

O álcool isopropílico é um dos mais indicados para a limpeza de eletrônicos por possuir baixa concentração de água e, por isso, ter rápida evaporação. Ele pode ser encontrado na internet ou em lojas especializadas em eletrônicos.

Com isso em mãos, siga os passos:

  • Desligue o aparelho e desconecte todo e qualquer fio preso a ele.
  • Se estiver usando uma capinha protetora, retire-a.
  • Umedeça o pano no álcool isopropílico (sem exageros) e passe em toda a superfície do iPhone, frente e verso, sem pressionar. Cuide para o aparelho não ficar úmido demais.
  • Espere alguns minutos antes de religar o aparelho, para todo o produto secar completamente.

Isso já é o suficiente para você dar uma boa desinfetada do aparelho. Repita o procedimento sempre que achar necessário, mas cuide sempre para não exagerar.

Como você pode perceber, é relativamente simples limpar o exterior de seu iPhone, desde que se use os produtos corretos que não danifiquem o aparelho.

Não esqueça a capinha

A capinha do celular também pode abrigar vírus e bactérias, pois está em contato constante com as mãos. Por isso, repita a limpeza no acessório, que, nesse caso, pode receber a aplicação direta do produto escolhido.

Se for feita de silicone ou plástico, a capa pode ser lavada tranquilamente. Se for de outro material, é melhor consultar o fabricante para saber qual é a solução de limpeza mais adequada.

Agora você já sabe como higienizar o celular de maneira segura. Lembre-se de que esse é um passo importante para evitar que o aparelho seja um vetor de transmissão. Para se manter seguro e preservar o funcionamento do seu celular, siga as dicas com cuidado.

No mais, tome cuidado consigo mesmo, não entre em pânico e lave as mãos sempre que sair de casa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.